«
»

Gostamos tanto da viagem a Patag√īnia que fizemos em 2013 que resolvemos repetir a dose em 2014! ūüėĬ†Em nossa volta a El Chalt√©n um de nossos objetivos era conseguir chegar √† Laguna de los Tres, destino n√£o alcan√ßado em nossa primeira ida √† cidade porque no dia que tentamos havia um vento muito forte (contamos¬†sobre essa tentativa no post El Chalt√©n – Laguna de los Tres). Com uma boa dose de sorte n√≥s conseguimos em nosso primeiro dia por l√°, mesmo depois da recepcionista do albergue onde est√°vamos dizer pela manh√£ que n√£o valia a pena subir naquele dia porque n√£o ir√≠amos ver o Cerro Fitz Roy. Inicialmente n√≥s at√© seguimos a recomenda√ß√£o dela mas quando vimos que o dia estava abrindo resolvemos tentar a sorte e conseguimos inclusive ver o morro.

Uma outra informação dada pela recepcionista do albergue foi que a lagoa estava congelada e quando chegamos ela estava começando a descongelar. Achamos a paisagem com a lagoa quase coberta de gelo e ficamos umas duas horas por lá fotografando. Em determinados momentos havia nuvens em movimento que cobriam o Fitz Roy (impressionante como elas se movimentam rápido) e quando isto acontecia eu procurava outro motivo para fotografar.

Em um destes momentos eu resolvi fotografar um morro que fica a direita da lagoa e seu reflexo na √°gua em meio aos peda√ßos de gelo. Para enaltecer os reflexos eu usei um filtro de densidade neutra que me permitiu fazer uma exposi√ß√£o longa o suficiente para suavizar a superf√≠cie da √°gua. Para deixar a c√Ęmera est√°vel, tive que usar meu trip√©.¬†Tamb√©m usei um disparador remoto com temporizador para evitar que o movimento de apertar o bot√£o atrapalhasse a estabiliza√ß√£o.

Reflexos na Laguna de Los Tres em El Chaltén

Reflexos na Laguna de Los Tres em El Chaltén

Configura√ß√Ķes:

Data: 23/11/2014
Hor√°rio: 14:40
Dist√Ęncia focal: 32 mm
Exposição: 8s
Abertura: f/11
ISO: 100

Espero que tenham gostado da foto e que tenhamos conseguido passar neste post a emoção de ver a lagoa congelada.